foto de mim no aniversário do dinossauro em preto e branco 2 cores desenho

Benjamin-Newton.com eCloudy.diamonds Livros Online em Peças por Ben Huot

Ir para o Início da Página

Coleção de Introduções Completas 3

por Ben Huot

 

10 de agosto de 2019

em mais formatos

Índice

Primeiras Coisas

 

Para Mais Informações

 

Para mais livros e informações, visite-me na web em

http://benjamin-newton.com/

 

Sinta-se à vontade para me enviar um e-mail sobre os livros e o site para mailto:ben@benjamin-newton.com

Eu até gosto de críticas construtivas

 

Licença

 

Este PDF inteiro está licenciado junto sob uma Licença Creative Commons Attribution-No Derivative Works 3.0 Estados Unidos como um todo, e nada deve ser separado, adicionado ou modificado de qualquer maneira.

 

Esclarecimento sobre o que nenhum derivado significa:

 

Nenhuma alteração pode ser feita de forma alguma, incluindo, mas não se limitando a: o conteúdo e o design do material devem ser copiados como um todo (tudo contido neste arquivo pdf)

 

  1. sem nada adicionado
  2. sem nada tirado

 

deve ser mantido em sua forma original sem acréscimos ou subtrações a

 

  1. formatos de arquivo
  2. Código HTML e CSS
  3. Arquivos PDF
  4. gráficos e filmes
  5. sons, música e palavra falada
  6. interatividade e flash
  7. estrutura de arquivos e diretórios
  8. nomes de arquivos e nomes de diretórios
  9. links
  10. método de distribuição

Sobre o Mundo

 

E eis que trouxeram-lhe um homem doente da paralisia, deitado em uma cama; e Jesus, vendo a fé deles, disse aos doentes da paralisia: Filho, tenha bom ânimo; os teus pecados te sejam perdoados. E eis que alguns dos escribas disseram dentro de si: Este homem blasfema. E Jesus, conhecendo seus pensamentos, disse: Por que pensais maus em vossos corações? Pois se é mais fácil dizer: Seja perdoado os teus pecados, ou dizer: Levanta-te e anda? Mas para que saibais que o Filho do homem tem poder na terra para perdoar pecados (então diz aos paralíticos): Levanta-te, toma o teu leito e vai para a tua casa. E ele se levantou e foi para sua casa.

 

--Mateus 9:2-7

 

Naquele tempo, Jesus passou no sábado pelo trigo; e seus discípulos estavam famintos, e começaram a colher espigas de trigo e a comer. Mas quando os fariseus viram isso, disseram-lhe: Eis que os teus discípulos fazem o que não é lícito fazer no sábado. Mas ele lhes disse: Não lestestes o que fez Davi, quando tinha fome, e os que estavam com ele: Como ele entrou na Casa de Deus, e comeu os pães da proposição, que não lhe era lícito comer, nem para os que estavam com ele, mas apenas para os sacerdotes? Ou não lestes na lei, como nos sábados os sacerdotes no templo profanam o sábado e são irrepreensíveis? Mas eu vos digo que neste lugar há um maior do que o templo. Mas se você soubesse o que isso significa, eu terei misericórdia, e não sacrifícios, você não teria condenado os inocentes. Porque o Filho do homem é o Senhor até do sábado. E quando ele se foi dali, entrou na sinagoga deles: E eis que havia um homem que tinha a mão murchada. E perguntaram-lhe, dizendo: É lícito curar nos sábados? para que pudessem acusá-lo. E ele lhes disse: Que homem haverá entre vós, que tenha uma ovelha, e se ela cair em uma cova no sábado, não a agarrará e a levantará? Quanto, então, um homem é melhor do que uma ovelha? Portanto, é lícito fazer o bem nos sábados. Então disse ao homem: Estende a tua mão. E ele a estendeu, e foi restaurada inteira, como a outra. Então os fariseus saíram e fizeram um conselho contra ele, para destruí-lo.

 

--Mateus 12:1-14

 

Em verdade, em verdade vos digo que chorareis e lamentareis, mas o mundo se alegrará; e ficareis tristes, mas a vossa tristeza se transformará em alegria. A mulher, quando está de parto, tem tristeza, porque chegou a sua hora; mas assim que dá à luz do menino, ela não se lembra mais da angústia, por alegria de que um homem nasce no mundo. E agora, pois, tendes tristeza; mas eu vos verei novamente, e o vosso coração se alegrará, e a vossa alegria ninguém vos tirará. E naquele dia nada me pedireis. Em verdade, em verdade vos digo que tudo o que pedirdes ao Pai em meu nome, ele vos dará. Até agora nada pedistes em meu nome; pedi, e recebereis, para que a vossa alegria se complete. Estas coisas vos tenho falado em provérbios: mas vem o tempo em que não vos falarei mais em provérbios, mas vos mostrarei claramente do Pai. Naquele dia pedireis em meu nome; e não vos digo que rogarei ao Pai por vós: Porque o próprio Pai vos ama, porque me amastes e credes que saí de Deus. Eu saí do Pai, e vim ao mundo; novamente, deixo o mundo e vou para o Pai.

 

--João 16:20-28

 

O cristianismo não é racional, porque a fé requer crença sem prova e compreensão completas, assim como qualquer outro sistema de crenças ou ideia abstrata. Os cristãos devem sempre ser vistos como bizarros porque acreditamos em um sistema de ética baseado no arrependimento e perdão, não baseado no carma ou no sistema de valores dominante do que fizemos ou do que faremos. Deus nos aceita como somos agora e, como cristãos, precisamos fazer o mesmo pelos outros.

 

As soluções humanas dos últimos centenas de anos falharam: ódio, violência, vingança, luxúria, ganância, dinheiro, guerra, propriedade da terra, agrária, comércio, monarquia, império, diplomacia, escravidão, lei, prisão, pena de morte, espiões, tortura, genocídio, matemática, ciência, racionalismo, empirismo, contratos sociais, ateísmo, ciências sociais, bancos modernos, política monetária, mercado de ações, dívida nacional, psicologia moderna, ciência espacial, ciência espacial, armas químicas, armas nucleares, racismo, nacionalismo, fascismo, anarquia, comunismo, capitalismo, estado policial, educação obrigatória, liberdade de expressão, jornalismo, sindicatos, questões raciais, feminismo, estudos de gênero, revolução sexual, drogas e álcool, direitos do consumidor, direitos de privacidade, Internet, reforma política, construção da nação, terrorismo, energia alternativa, criptografia, design, design, romantismo, realismo, niilismo, naturalismo, fantasia, ficção científica, ativismo político e social de todos os tipos, tudo internacional, redes de todos os tipos e soluções semelhantes. Alguns deles podem ser muito úteis para ferramentas e outros devem ser evitados a todo custo (e muitos ficam em algum lugar no meio desse espectro), mas nenhum deles pode tornar as pessoas melhores moralmente ou resolver problemas fundamentais com o nosso convívio.

 

Não temos mais combustível para o crescimento contínuo em termos de qualquer tipo de energia, solo, água e afins. A única maneira pela qual as coisas vão melhorar é espiritual e moralmente. Se queremos um sonho americano, precisamos olhar para as coisas espirituais. As pessoas como um todo nunca aceitarão essas limitações, mas os cristãos devem abraçar esse futuro, pois ele dá menos desculpas para evitar tomar decisões espirituais.

 

Jesus Cristo não era um líder político, social ou militar. Ele não era nem inventor, estudioso nem artista. Ele nunca foi pai, marido ou apaixonado. Sua missão tanto em Sua mensagem falada quanto em morte e ressurreição estava focada no mundo espiritual. Nosso pecado e o pecado de outras pessoas são toda a fonte do sofrimento do mundo inteiro. Quando aceitamos Jesus Cristo como nosso salvador, estamos fazendo uma escolha para segui-Lo, não apenas acreditar que Ele é real. A fé é uma escolha e um ato de obediência. A salvação é o início da fé, não seu resultado final.

 

Tecnicamente, a maior parte da minha escrita se enquadra nos estudos de epistemologia e apologética. Grande parte da minha escrita faz uso de paradoxo ou não dualismo. Minhas ideias filosóficas são uma combinação de Existencialismo Cristão (Kierkegaard e Camus principalmente) e Taoísmo Filosófico (o Zen no Zen Budismo vem disso). Não penso nisso como crenças, mas mais ferramentas para explicar e lidar com o mundo. A Bíblia vem em primeiro lugar.

 

Somos todos fortemente influenciados pelo que lemos, vivenciamos e pela sociedade em que vivemos. Estudei filosofia, história e religião grande parte dos últimos 20 anos para me ajudar a entender como os outros pensam. Eu também usei essas ferramentas para explicar quem eu sou e tentei aplicar coisas relevantes à minha vida coisas que aprendi. Isso ajudou a combater a visão de mundo anticristã padrão de que as pessoas são doutrinadas em nosso sistema escolar, mídia e propagandas, assim como parte da vida na América.

 

Percebo, sem ter viajado muito, que temos isso muito bom na América em comparação com o resto do mundo e da história. Vivemos como reis e vivemos às custas do resto do mundo. Nós basicamente "ganhemos na loteria" nascendo aqui.

 

Nossa cultura é baseada na magia, no sentido de que não temos ideia de como o sistema funciona ou a tecnologia em que ele funciona. Devido à nossa energia e tecnologia, podemos fazer coisas para as quais a maioria das pessoas usou magia. A maioria das pessoas no passado descreveria isso como mágica se o vissem hoje. Nossa sociedade pode entrar em colapso facilmente, porque não sabemos como sobreviver sem ela ou como recriá-la.

 

Também dependemos da energia para administrar nossa sociedade e máquinas para fazer com que nossa tecnologia seja proveniente de pessoas do outro lado do mundo com sistemas de crenças concorrentes. A única razão pela qual esses grupos cooperam é que acreditam que a melhor maneira de nos destruir é nos levar à falência comprando a energia deles e pagando pela fabricação das máquinas na escala que precisamos delas. Alguns pensam que podemos sobreviver sem eles, mas a coisa toda pode entrar em colapso a qualquer momento se estiverem errados.

 

Concordo com Rastafari que a sociedade moderna é o império mundial maligno descrito na profecia bíblica para existir no final dos tempos. Eu também acredito que existem algumas conexões não realizadas e infelizes entre a Igreja e a invenção do mundo moderno. Acredito que o conceito de Europa e do mundo moderno em geral foi definido como um contra-ataque ao Islã radical e a dominação mundial europeia de cerca de 1750-1950 também foi uma resposta ao Islã radical.

 

Também é irônico que, embora eu não acredite no único estado policial mundial sob o qual estamos, não possa aceitar a visão de mundo islâmica radical (que é a manifestação política mais poderosa da resistência ao governo mundial). Atualmente, nosso estado policial mundial e economia mundial são muito frágeis e provavelmente não sobreviverão a mais 100 anos. Isso se deve às mudanças climáticas e à revolução tecnológica da informação. Eu também acho que muito pouco do mundo fora da América do Norte será habitável nas próximas centenas de anos.

 

Minha fidelidade é às pessoas que vivem aqui e à terra e animais da América. Eu não apoio o sistema político de dois partidos ou o uso do soft power dos EUA para forçar o mundo a um mundo amigável para corporações multinacionais. Eu era contra a única economia mundial antes que aqueles que a criaram quisessem que nos retirassemos no pior momento possível.

 

Meu objetivo é seguir as leis e pagar impostos, mas resistir a aceitar os valores da sociedade moderna. O governo quer seu dinheiro e Deus quer seu coração. As únicas ideologias reais com as quais me identifico são o cristianismo e a Bíblia. Eu não acredito em mais nada. Acredito que apoiar qualquer tipo de movimento político, social ou militante apenas reforça a ilusão de que as pessoas podem ser fundamentalmente mudadas sem obediência e intervenção divina de Deus.

Sobre o Futuro

 

As principais tendências que estão acontecendo agora que poucas pessoas percebem na América são as seguintes. A cultura americana está se fundindo com a cultura mexicana do 3o mundo. Estamos terceirizando o resto do nosso governo e as corporações vão substituir completamente o governo. Educação e saúde ficarão muito mais baratas ou as pessoas simplesmente pararão de usar esses serviços a qualquer custo.

 

As leis de privacidade vs. a polícia secreta continuarão a combatê-las nos tribunais por décadas, indo e voltando, se destruamos nossas informações ou as coletamos para o governo. Aplicação da lei, corporações, agências de inteligência, empresas de internet, crime organizado e qualquer outra pessoa que possa pagar se fundirão como um grupo e saberão tudo sobre todos - ninguém, exceto cidadãos honestos e ativistas, está excluindo nada.

 

As leis se tornarão impossíveis de processar e muito dinheiro e informações desaparecerão ou não serão confiáveis, pois não haverá mais nenhuma maneira de verificar nada. Os usuários da Internet serão cada vez mais software falando com outros softwares em vez de pessoas interagindo com outras pessoas. Será caro e desejado ter o mínimo de tecnologia possível e seremos pagos para usar a tecnologia e deixá-la registrar tudo sobre nós.

 

Tudo o que puder ser automatizado será quase gratuito, mas poucas pessoas ganharão dinheiro ou terão empregos de qualquer tipo. Comida, energia e aluguel continuarão a subir em custo. Esses problemas terão alcance mundial e serão as grandes coisas que compartilhamos em comum. Será mais difícil para aqueles que já não têm recursos. Pessoas comuns ainda não aprenderão nada sobre tecnologia às suas custas.

 

O conceito de América se tornará irrelevante, mas todos nós ainda viveremos aqui. Eventualmente, o clima ficará tão ruim que destruirá nossa infraestrutura e, eventualmente, não poderemos construí-lo novamente antes que seja destruído novamente. A religião voltará e será a grande maneira pela qual estabelecemos algum tipo de ordem e legitimidade para formar qualquer tipo de sociedade de longo prazo. As coisas serão muito piores nos lugares densamente povoados e nos lugares vazios.

 

As gerações futuras pensarão que estamos inventando coisas quando descrevermos nossa sociedade atual / passada, especialmente as partes sobre tecnologia. As gerações futuras terão dificuldade em entender o feminismo ou os estudos de gênero. Socialmente, seremos muito mais conservadores. As pessoas podem eventualmente confiar umas nas outras novamente. Provavelmente seremos mais felizes.

 

Continuará a haver guerras e haverá cada vez mais divisão em nosso país até que se torne irrelevante. As principais forças motrizes, como sempre, serão: a economia, o clima e a tecnologia. As pessoas sempre serão as mesmas, apenas com menos poder ou riqueza.

 

Isso é bom ou ruim? Grande parte da violência envolvida nisso e quanto tempo leva para estabilizar depende da velocidade com que se decompõe. As pessoas no poder têm os mesmos interesses que você e eu neste. Eles querem permanecer no poder o maior tempo possível e queremos evitar a anarquia, pois também é ruim para nós e, portanto, quanto mais lentas as coisas quebrarem, mais chances as coisas serão mais suaves para todos.

 

É por isso que você vê o governo tão preocupado com a Internet. Eles querem ter certeza de que sabem que as coisas não estão quebrando muito rápido. Não queremos que o governo americano falhe, pois outras possibilidades são muito piores. As pessoas que subiriam ao poder seriam o crime organizado, militantes e anarquistas e vários grupos religiosos mais incomuns. Quem tiver uma arma e munição suficiente será acusado.

 

Sobre a Minha Fé

 

Quando Você O Procura de Todo o Seu Coração

 

Mas eu esperarei continuamente, e ainda te louvarei cada vez mais. A minha boca anunciará a tua justiça e a tua salvação o dia todo; pois não sei os seus números. Irei na força do Senhor JEOVÁ; farei menção da tua justiça, apenas da tua. Ó Deus, tu me ensinaste desde a minha mocidade; e até agora anunciei as tuas maravilhas. Agora também, quando estou velho e de cabelos grisalhos, ó Deus, não me desampares, até que eu tenha mostrado a tua força a esta geração, e o teu poder a todo aquele que está por vir. Também a tua justiça, ó Deus, é muito alta, que fizeste grandes coisas: ó Deus, que é semelhante a ti! Tu, que me mostraste grandes e aflições, me vivificarás novamente, e me farás subir das profundezas da terra. Aumentarás a minha grandeza e me consolarás de todos os lados.

 

--Salmo 71:14-21

 

Você já ouviu alguém falando com autoridade de uma Igreja que acredita na Bíblia que disse uma dessas coisas ou algo assim?

 

  1. "A única coisa que leio é a Bíblia."
  2. "Eu não pequei em 20 anos."
  3. "Se você cometer um pecado que não confessa antes de morrer, você vai para o inferno."

Essas três citações são três boas razões para estudar filosofia e usar o pensamento crítico. Muitas pessoas ouvem coisas como essas de ministros bem-significados e fiéis que pregam a partir da Bíblia. Eles também dão apoio bíblico para esses comentários. Isso não significa que isso seja realmente o que Deus está dizendo, mas essas pessoas provavelmente são bem intencionadas e podem saber mais sobre a Bíblia do que você (ou eu). Muitos crentes então chegam à conclusão de que precisam desistir de ser felizes para serem cristãos. Eu lhe mostro outro caminho em meus escritos.

 

Então você pode pensar que tudo o que é necessário para entender as coisas mais importantes da Bíblia vem da própria Bíblia e do estudo da Bíblia sozinho. Acredito que isso é verdade junto com: um coração sincero, oração, reflexão, experiência de vida, bom senso, considerações práticas, conselhos sábios de outros cristãos (que mostram sabedoria com a forma como vivem suas vidas) e muitas outras considerações e fatores semelhantes. Muitos desses elementos "adicionais" fazem parte de um ramo da filosofia chamado Epistemologia ou Teoria do Conhecimento. Isso é algo mais novo e difícil de aceitar de uma filosofia ocidental moderna ou do ponto de vista do Iluminismo Europeu.

 

Por que Deus nos deixaria confusos? Ele permite que essas situações aconteçam não para que estejamos confusos, mas para que lutemos com Deus, para que provemos a Deus e a nós mesmos que Deus é a coisa mais importante em nossas vidas. O cristianismo não é uma mera lista de regras a seguir ou mesmo apenas uma filosofia. O cristianismo é sobre a nossa escolha de seguir ou não a Deus. É uma religião sobre uma divindade viva específica - Cristo. É essencial entender quem é Deus para entender o cristianismo.

 

Somos salvos pela fé e a fé é definida como algo que não podemos provar completamente. A salvação é apenas o começo de um caminho de fé. Não é algo que você possa entender completamente lendo ou ensinando em uma sala de aula. O cristianismo é um processo e modo de vida. É uma religião devocional e misteriosa mais parecida com o hinduísmo ou o Islã, do que com a Ciência ou a Filosofia Ocidental. Precisamos buscar Deus, com nossos corações e almas, bem como nossas mentes. Há uma razão para nossa vida na terra antes de morrermos e vivermos para a eternidade.

 

O cristianismo é muito mais uma batalha entre nossa natureza pecaminosa e Deus. O diabo piora as coisas, mas ele não é nosso principal inimigo - nossas almas corruptas são inimigas, por causa de nossas próprias más escolhas morais (pecados). Assim como a guerra não pode ser devidamente compreendida, até que seja experimentada (e até mesmo as simulações têm pouco a ver com a palavra escrita), nossa fé só começa com a nossa leitura das Escrituras. Precisamos então vivê-lo (enquanto ainda o lemos). Uma situação semelhante ocorre nos militares, já que a vida militar é uma vida difícil (e usa a mente constantemente), mas não é principalmente desafiadora intelectualmente.

 

A Bíblia une intimamente as atitudes que temos em seguir as leis de Deus e a combinação de nosso arrependimento e perdão de Deus. Isso é repetido várias vezes ao longo das Escrituras. O Deus do Antigo Testamento é um Deus misericordioso e perdoador, como é Jesus Cristo nos Evangelhos, como é o Deus descrito nas cartas do Apóstolo Paulo.

 

Jesus Cristo disse que não removeu nada sobre o Antigo Testamento, incluindo as leis. Jesus Cristo é a Palavra de Deus e o rosto humano de Deus, que viveu a vida perfeita que devemos viver. Cristo também é o cumprimento e resolução finais da (combinação da natureza perfeitamente boa e incondicionalmente amorosa) do nosso Deus.

 

Em nossas vidas, temos pensamentos que vêm de nossa mente e crenças que vêm de nosso coração. Então conversamos e vivemos como uma extensão do que acreditamos e esperamos. O pecado vem primeiro em nossas mentes e depois, totalmente formado, nos traz morte, espiritual e física. Assim também as intenções de nossas mentes se refletem em nossas ações, quando escolhemos seguir a Deus. Nossas atitudes são seguidas por ações e mudamos continuamente quem somos, aproximando-nos ou mais longe de Deus a cada decisão que tomamos. Este é um processo que acontece ao longo de toda a nossa vida.

 

O cristianismo revela a conexão entre pensamento e ações. Nossa escolha é o que determina se vivemos para sempre com Deus ou não. Como cristãos, não temos nenhuma obrigação para com os outros, além de nossas próprias escolhas e nossas próprias ações. Muitos cristãos procuram levar essa Boa Nova (que podemos viver para sempre com Deus no paraíso) ao maior número possível de pessoas.

 

Esses cristãos evangelizam porque não desistirão facilmente dos não crentes, pois Deus fez de tudo para nos salvar também. Quando você se torna um cristão, Deus cancela seus pecados, mas você é chamado a perdoar os outros incondicionalmente. Além disso, Deus quer que um cristão mude completamente o curso de seu estilo de vida anterior e permita que Deus os transforme sobrenaturalmente em uma pessoa melhor.

 

Deus nos salva de nossos pecados, mas este é apenas o começo do que Deus quer fazer em nossas vidas. Seguir os mandamentos de Deus é difícil para nós, porque achamos que Deus não quer que sejamos felizes. Na realidade, Ele realmente criou essas leis (com as quais a maioria das outras grandes religiões do mundo concorda) para que não sofremos. Deus é o perfeito para nos dar instruções sobre como viver nossas vidas, pois Ele nos criou e viveu como um de nós (embora siga todas essas leis perfeitamente).

 

Em resumo, todos os cristãos podem e devem seguir todas as leis de Deus o tempo todo. A realidade é que ninguém o fez e nunca o fará. É por isso que precisamos que Deus seja uma pessoa melhor. Nós não faremos o que é certo sem Deus em nossas vidas.

 

As leis sozinhas sempre falham em tornar as pessoas boas, porque as pessoas precisam saber por que e ter uma maneira de conseguir isso. Cristo usa o amor, ao contrário do governo, que usa o medo para motivar as pessoas. Isso é o que torna o cristianismo diferente em metodologia.

 

Infelizmente, muitas pessoas dizem que são cristãs que fazem muitas coisas que sabem que não deveriam. É difícil aceitar até que você perceba que é o único em questão para outra pessoa. Geralmente é a pessoa que pensa que tem tudo junto que é a pior infratora. Se você perceber que precisa de ajuda, está no caminho certo para cooperar com Deus para se consertar.

 

É semelhante com objetividade. Aqueles que afirmam ser objetivos mais altos geralmente são os menos objetivos. Vamos deixar a palavra de Deus falar por si mesma e gastar mais tempo reforçando o que sabemos que é certo, em vez de especular continuamente sobre aquelas coisas que não são tão claras.

 

Muitas pessoas aprenderam a destruir os outros com palavras tão bem que se tornou uma segunda natureza. Eles podem ser tão destrutivos quanto aqueles que machucam os outros fisicamente. Muitas pessoas também espalham informações falsas e estendem a verdade para fazer seus pontos. É difícil para muitos separar suas ideias das de Deus.

 

Nossa sociedade não pega a crueldade que as pessoas mostram umas às outras que não classificamos como crimes. É semelhante a crimes contra animais ou os chamados crimes de colarinho branco. O ponto é que todos nós infringimos as leis de Deus, mesmo que sigamos todas as leis da sociedade.

 

É ótimo que tenhamos preservado a Bíblia tão bem e é ótimo termos tantos bons crentes na pesquisa acadêmica e no ministério cristão. Apesar desse enorme esforço, algumas pessoas caem nas rachaduras em qualquer solução humana, mesmo quando essa solução humana é um grupo da igreja. Quando esse sistema falha uma pessoa, precisamos buscar outras maneiras de alcançar essas pessoas.

Em última análise, temos que separar o que a Bíblia diz e Deus diz do que outras pessoas dizem (incluindo eu). Nós somos o problema e Deus é a resposta - você nunca pode contornar ou além disso.

 

Dê graças ao Senhor, invoque o seu nome, dê a conhecer suas obras entre o povo. Cantai-lhe, cantai-lhe salmos, falai de todas as suas maravilhas. Glóriai-vos no seu santo nome; alegre-se o coração daqueles que buscam ao Senhor. Busque o Senhor e sua força, busque seu rosto continuamente. Lembre-se das suas maravilhas que ele fez, das suas maravilhas e dos juízos da sua boca;

 

--1 Crônicas 16:8-12

 

E tu, meu filho Salomão, conheces o Deus de teu pai, e o serves com um coração perfeito e com uma mente voluntária; pois o Senhor sonda todos os corações, e entende toda a imaginação dos pensamentos; se tu o buscares, ele será encontrado por ti; mas se tu o abandonares, ele te rejeitará para sempre.

 

--1 Crônicas 28:9

 

Se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face, e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei do céu, e perdoarei os seus pecados, e curarei a sua terra.

 

--2 Crônicas 7:14

 

Mas o Senhor resistirá para sempre; preparou o seu trono para o juízo. E ele julgará o mundo com justiça, ministrará o julgamento ao povo com retidão. O Senhor também será um refúgio para os oprimidos, um refúgio em tempos de angústia. E os que conhecem o teu nome confiarão em ti, pois tu, Senhor, não deixaste os que te buscam. Cantai louvores ao Senhor, que habita em Sião; anunciai entre o povo as suas obras. Quando ele faz inquisição por sangue, ele se lembra deles: ele não se esquece do clamor dos humildes. Tem misericórdia de mim, Senhor; considera a minha angústia que sofro daqueles que me odeiam, tu que me levantas das portas da morte; para que eu possa anunciar todo o teu louvor nas portas da filha de Sião; me alegrarei na tua salvação.

 

--Salmo 9:7-14

 

O tolo disse em seu coração: Não há Deus. Eles são corruptos, fizeram obras abomináveis, não há ninguém que faça o bem. O Senhor olhou do céu para os filhos dos homens, para ver se havia alguém que entendesse e buscasse a Deus. Todos eles se afastaram, todos juntos se tornaram imundos: não há ninguém que faça o bem, não, nem um. Todos os que praticam a iniqüidade não têm conhecimento? que comem o meu povo como come pão, e não invocam o Senhor.

 

--Salmo 14:1-4

 

Os mansos comerão e se fartarão; louvarão ao Senhor que o buscam; o seu coração viverá para sempre. Todos os confins do mundo se lembrarão e se converterão para o Senhor; e todas as nações adorarão diante de ti. Porque o reino é do Senhor, e ele é o governador entre as nações. Todos os que estiverem gordos na terra comerão e adorarão; todos os que descerem ao pó se curvarão diante dele, e ninguém poderá manter viva a sua própria alma.

 

--Salmo 22:26-29

 

Engrandeça o Senhor comigo, e exaltemos juntos o seu nome. Busquei o Senhor, e ele me ouviu, e me livrou de todos os meus temores. Eles olharam para ele, e ficaram aliviados, e seus rostos não ficaram envergonhados. Este pobre homem clamou, e o Senhor o ouviu, e o salvou de todas as suas angústias. O anjo do Senhor se acampa ao redor daqueles que o temem e os livra. Experimente e veja que o Senhor é bom; bem-aventurado o homem que confia nele. Temei ao Senhor, vós seus santos, porque não há necessidade daqueles que o temem. Faltam aos leões jovens e sofrem fome; mas os que buscam o Senhor não querem nada de bom.

 

--Salmo 34:3-10

 

Esperei pacientemente pelo Senhor, e ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor. Ele também me tirou de uma cova horrível, do barro lamacento, e colocou meus pés sobre uma rocha, e estabeleceu meus passos. E ele colocou um cântico novo na minha boca, louvor ao nosso Deus: muitos o verão e temerão, e confiarão no Senhor. Bem-aventurado aquele homem que faz do Senhor a sua confiança, e não respeita os soberbos, nem os que se desviam para a mentira. Muitos, Senhor meu Deus, são as tuas maravilhas que fizeste, e os teus pensamentos que estão para nós; não podem ser contados para ti; se eu quiser anunciar e falar delas, elas são mais do que podem ser contadas. Sacrifício e oferta não desejaste; abriste os meus ouvidos; não necessitaste de holocausto e oferta pelo pecado. Então eu disse: Eis que venho; no volume do livro está escrito de mim, prazer em fazer a tua vontade, ó meu Deus; sim, a tua lei está dentro do meu coração. Eu preguei justiça na grande congregação; eis que eu não refrei os meus lábios, Senhor, tu sabes. Não escondi a tua justiça dentro do meu coração; anunciei a tua fidelidade e a tua salvação; não escondi a tua benignidade e a tua verdade da grande congregação. Não retém de mim as tuas ternas misericórdias, Senhor; preserva-me continuamente a tua benignidade e a tua verdade.

 

--Salmo 40:1-11

 

Ó Deus, tu és o meu Deus; cedo te buscarei; a minha alma tem sede de ti, a minha carne te perdenta em uma terra seca e sedenta, onde não há água; para ver o teu poder e a tua glória, assim como te vi no santuário. Porque a tua benignidade é melhor do que a vida, os meus lábios te louvarão. Assim te abençoarei enquanto viver; levantarei as minhas mãos em teu nome. A minha alma se fartará como com medula e gordura, e a minha boca te louvará com lábios alegres; quando eu me lembrar de ti na minha cama, e meditar em ti nas vigílias da noite. Porque tu tens sido meu auxílio, pois, à sombra das tuas asas me alegrarei. A minha alma segue duramente atrás de ti; a tua mão direita me sustenta.

 

--Salmo 63:1-8

Origem de Meus Sites

 

Origens

 

Este site começou por volta de 30 de julho de 1998. Foi originalmente projetado para eu compartilhar minha poesia com meu tio, porque era muito grande para e-mail.

 

Começou na hospedagem gratuita suportada por anúncios no Tripé pela Lycos e saltou de vários hosts de sites sob nomes diferentes nos próximos anos. Finalmente decidi pelo nome de domínio Benjamin-Newton.com por volta de maio de 2007. Escolhi esse nome porque posso dizer claramente e é a variação mais fácil de soletrar do meu nome. Eu sabia que uma coisa que não mudaria é o meu próprio nome.

 

Terminei o suficiente para e publiquei meu primeiro livro por volta de agosto de 2007, uma série chamada Free Thinking Christian Series. Os livros agora são organizados principalmente por tópico, mas originalmente foram organizados mais ou então cronologicamente.

 

Eu tinha todos os principais domínios de benjamin-newton por volta de 2012 e desisti de todos eles, exceto o .com em 2019, para economizar dinheiro, esforço e confusão. Comprei o novo domínio cloudy.diamonds em 2019 também porque as pessoas não conseguem mais soletrar Benjamin corretamente.

 

Eu trabalhei no site quase todos os dias desde então e mudo continuamente o design também. Eu nunca entrei muito nas mídias sociais ou aprendi Javascript e estou feliz com isso agora. Agora eu sou um tio. Começou com o seguinte verso e poema.

 

Versículo Bíblico Missionário

 

Porque depois disso, na sabedoria de Deus, o mundo pela sabedoria não conheceu a Deus, aprouve a Deus pela loucura de pregar salvar os que crêem. Porque os judeus exigem um sinal, e os gregos buscam sabedoria: Mas pregamos Cristo crucificado, aos judeus uma pedra de tropeço, e aos gregos loucura; mas aos chamados, tanto judeus quanto gregos, Cristo o poder de Deus e a sabedoria de Deus. Porque a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens. Porque vós vistes a vossa vocação, irmãos, como não muitos sábios segundo a carne, nem muitos poderosos, nem muitos nobres, são chamados: Mas Deus escolheu as coisas insensatas do mundo para confundir os sábios; e Deus escolheu as fraquezas do mundo para confundir as coisas poderosas; E as coisas do mundo, e as que são desprezadas, escolheu Deus, sim, e as que não são, para trazer a nada as coisas que são: para que nenhuma carne se glorie na sua presença. Mas vós sois dele em Cristo Jesus, que por Deus nos foi feito sabedoria, e justiça, e santificação, e redenção: para que, conforme está escrito: Quem se glorie, glorie-se no Senhor.

--1 Coríntios 1:21-31

 

Clareza na Convicção, um Poema Épico

 

Eu sou uma pedra esmagada e espancada até o pó

Eu sou um frasco de barro molhado de podridão, extraído e puxado para desfiguração

Sou levado às pressas em ventos de luz gritando

Estou cheio de vazio e escuridão

Estou à beira do pensamento e da razão humanos, tremendo incontrolavelmente

Estou cercado de cada lado

À direita, dor

E para a esquerda, desespero

Atrás de mim, medo

E a morte sozinha está diante de mim

Tudo estava mordendo chamas e sufocando a névoa

Dançando e rindo sádicamente

Afogamento neste forno quente vermelho

Eu estava amarrado e amordaçado com puro terror e dor implacável

Nada existia além de dor e terror

Mas por um único raio de luz imortal

Depois que a eternidade passou cinco vezes

Passei pelas portas de ferro da noite impenetráveis

Ainda sufocando e queimando na podridão e carvão dentro

Dor e não dor eram tudo o que existia

Eu não faço parte do nada

E nada faz parte de mim

Tendo rejeitado tudo

E tudo tendo me rejeitado

Eu sou um homem, um soldado

E nada mais

E a loucura sim, mas todos me consomem

Se não para muitos um trabalho de amor

Então, uma vez totalmente sozinho e silencioso ainda

Eu deixei o sol brilhar e curei a podridão e o carvão

Dentro dos medos diários e tribulações mesquinhas que me assombraram

E no meio das multidões ocupadas

Ele, na humilde brisa do dia de verão,

Descubra que eu sou querendo e indigno

Então, no frio do dia

Com todo o continuum de tempo e espaço tremendo

Meu Salvador se apresentou

Como o único sacrifício digno

Obediente até mesmo à morte, Ele derrotou

Aquilo que procurou me atormentar eternamente

Como Deus ressuscitou Jesus dentre os mortos

De lá, me aventuro como um simples peregrino, pedindo direções à medida que vou

Encontrar na Palavra que Ele me deixou

Um mapa para discernir as direções a serem confiáveis daquilo que não deve ser

Às vezes, fugir dos meus companheiros

E em outros momentos ficando quase completamente parado

Acho clareza na convicção desta verdade

Que Deus ressuscitou Jesus dentre os mortos

E assim eu vou sempre em frente

Enquanto Ele caminha humildemente ao meu lado

A chama viva andando imperecível

Ao ritmo de um homem mortal

Meu companheiro, meu Senhor, como meu verdadeiro Pai

Aquele que me criou ainda não terminou

Ele vira o círculo da vida, a roda do oleiro

Para moldar meus pensamentos vazios e desfigurados nos pensamentos puros e nobres de Seu Filho

Fazendo-me à semelhança do verdadeiro Filho do Homem

De dentro para fora

Eu sou batizado em Sua Graça, então

Que Ele pode me fazer uma nova criação

Fazendo-me novamente com argila fresca e água

E preenchendo o vazio com Seu amor e Sua paz

E agora meus olhos estão mais completamente abertos

E agora vejo o poder e a bondade intermináveis de Cristo dentro de mim e a verdade de Sua

Palavra ao meu redor

Não sou mais homem ou mulher, branco ou negro, jovem ou velho,

Mas comprei pelo preço mais alto e não mais o meu

Agora me chamo de meu mestre, Christian

Aquele que eu possa servir e, ao fazê-lo, estar livre do meu inimigo mais eterno, eu mesmo

E à medida que a estrada continua e continua,

E eu tropeço ao longo do caminho, de vez em quando

E quando volto aos pés da cruz todos os dias

E aprenda novamente por que não posso me dominar

E eu percebo cada vez mais e mais

Como foi incrível aquela graça que salvou um miserável como eu

A Fé Não Requer Razão

 

Parte 0: Isenção de responsabilidade

 

Este escrito traz à tona algumas questões pegajosas no cristianismo para muitos cristãos. Neste ensaio, uso o livro de texto Ideias existencialistas para explicar por que alguns cristãos discordam de outros cristãos sobre quais são as doutrinas essenciais do cristianismo. Não estou dizendo que não há problema em escolher teologia ou Escrituras. Estou trabalhando em uma maneira de explicar como as pessoas veem as Escrituras de maneira diferente. Todos nós achamos que devemos concordar com todas as Escrituras e eu não estou desafiando isso. A realidade é que não.

 

Minha explicação simples é que as questões que separam nossa compreensão da Escritura envolvem como valorizamos coisas como senso comum, racionalidade e ideias semelhantes e não a Escritura em si (também conhecida como epistemologia). Eu poderia deixar as coisas cristalinas. No processo, eu insultaria muitos crentes genuínos. Além disso, não estou confiante de que entendo todas as Escrituras melhor do que ninguém. E, o mais importante, implicaria que eu valorizo a razão como a sociedade a define, o que seria o oposto direto do que eu quero dizer.

 

Isso também não significa que eu rejeite completamente o bom senso ou a racionalidade. Há essa ideia em alguns círculos cristãos de que os cristãos devem orar, mas também devem trabalhar na resolução dos problemas, sem depender da resposta de Deus. Só porque Deus pode e nos ajuda constantemente, não devemos esperar que Ele sempre nos socorre. Por exemplo, se sua casa pegar fogo, definitivamente reze, mas também ligue para o corpo de bombeiros. O ponto disso é que devemos ser responsáveis e amadurecer e viver vidas de fé ao mesmo tempo. Um não impede o outro.

 

Mas independentemente de não ser racional ou ter bom senso, a fé é algo diferente. Fé é sobre tomar decisões sobre coisas que não entendemos completamente, o que inclui a maioria das decisões, mas a associamos à religião, porque as conseqüências dessas escolhas duram para sempre. As semelhanças são que ambos exigem o uso de julgamento e tomada de decisões.

 

Deus não tem uma lei que cubra todas as situações que um cristão possa encontrar. Só porque a Bíblia mostra que você deve viver uma boa vida e viver para sempre após a morte não significa que seja o único livro que você deve estudar. Se você é um cristão fiel e é um estudioso da Bíblia, se você nunca estudou outros livros e outros treinamentos como medicina, não quero que você faça cirurgia em mim.

 

Portanto, o ponto em ambos é fazer escolhas responsáveis e você tem que perceber que tem que viver com as escolhas que faz para a eternidade. Nem todos são óbvios e há liberdade no que você escolhe, mesmo que você queira seguir o caminho estreito da fé bíblica. Nem eu nem a Bíblia vamos libertá-lo de ter que tomar decisões difíceis e dizer-lhe exatamente o que fazer em cada situação.

 

O existencialismo é essencialmente livre escolha. A ênfase está em estar ciente das consequências. Em última análise, precisamos escolher nossa própria mistura de fé e razão, porque temos que viver nossas próprias vidas.

 

Porque o reino dos céus é semelhante a um homem que é chefe de família, que saiu de manhã cedo para contratar trabalhadores para a sua vinha. E quando ele concordou com os trabalhadores por um centavo por dia, ele os enviou para sua vinha.

 

E ele saiu por volta da hora terceira, e viu outros ociosos na praça, e disse-lhes: Ide também para a vinha, e tudo o que for reto eu vos darei. E eles seguiram seu caminho. Novamente ele saiu por volta da sexta e nona hora, e fez o mesmo. E por volta da hora undécima, ele saiu, e encontrou outros ociosos, e disse-lhes: Por que estais aqui o dia todo ociosos? Eles lhe disseram: Porque ninguém nos contratou. Ele lhes disse: Ide também para a vinha; e tudo o que for reto, isso recebereis.

 

Então, quando chegou, disse o senhor da vinha ao seu mordomo: Chame os trabalhadores e dê-lhes o seu salário, começando do último ao primeiro. E quando chegaram os que foram contratados por volta da hora undécima, receberam cada um um centavo. Mas quando o primeiro chegou, eles supuseram que deveriam ter recebido mais; e também receberam cada um um centavo.

 

E, quando o receberam, murmuraram contra o homem bom da casa, dizendo: Estes últimos fizeram apenas uma hora, e tu os fizeste iguais a nós, que levaste a carga e o calor do dia. Mas ele respondeu a um deles e disse: Amigo, não te faço mal algum; não concordaste comigo por um centavo? Toma o teu caminho, e vai; eu darei a este último, assim como a ti. Não é lícito que eu faça o que quero com o meu? O teu olho é mau, porque eu sou bom? Assim, os últimos serão os primeiros, e os primeiros últimos: pois muitos serão chamados, mas poucos escolhidos.

 

--Mateus 20:1-16

 

O reino dos céus é semelhante a um certo rei, que fez um casamento para seu filho, e enviou seus servos para chamar os convidados para as bodas; e eles não quiseram vir. Novamente, ele enviou outros servos, dizendo: Diga aos que estão ordenados: Eis que preparei o meu jantar; os meus bois e as minhas cevadas foram mortos, e tudo está pronto; venha para as bodas.

 

Mas eles fizeram mal disso, e foram embora, um para o seu sítio, outro para a sua mercadoria; e o restante tomou seus servos, e suplicou-lhes rancorosamente, e os matou. Mas quando o rei soube disso, irou-se; e enviou os seus exércitos, e destruiu aqueles assassinos, e queimou a sua cidade.

 

Então ele disse aos seus servos: As bodas estão prontas, mas os que foram convidados não foram dignos. Ide, pois, pelos caminhos, e todos quantos achardes, lancei-vos para as bodas. Então aqueles servos saíram pelas estradas e reuniram todos quantos encontraram, tanto maus quanto bons; e as bodas foram decoradas com convidados.

 

E quando o rei entrou para ver os convidados, viu ali um homem que não tinha uma roupa de casamento: E ele lhe perguntou: Amigo, como entraste aqui sem ter uma roupa de casamento? E ele ficou sem palavras. Então o rei disse aos servos: Amarrem-no de mãos e pés, e levem-no embora, e lancem-no nas trevas exteriores, haverá choro e ranger de dentes.

 

Pois muitos são chamados, mas poucos são escolhidos.

 

--Mateus 22:2-14

 

Parte 1: Filosofia

 

Quem somos nós como indivíduos e como espécie? Muitas pessoas não veem o sentido de analisar isso, mas outras veem. Muitas das questões que são levantadas na Ficção Científica tendem a ser de natureza filosófica. A ficção científica muitas vezes coloca as pessoas em situações extremas (assim como muitos dos Existencialistas) que também escrevem na forma de ficção. Algumas pessoas são meio “mão na massa”, quando se trata de se encontrar e muitas fazem isso de maneira frívola. Para algumas pessoas, pensar e escrever as ajudam a entender e se expressar.

 

Uma das ideias que se fala com frequência, na ficção científica, e numa área da filosofia chamada Existencialismo, é sobre o que há de único nas pessoas e separa as pessoas da inteligência artificial, dos animais e dos espíritos. Não é um tópico principal da Bíblia, embora esteja implícito na vida de Jesus e em grande parte dos escritos do apóstolo Paulo. Basicamente, o termo senciência é muito semelhante à forma como a palavra Existencialismo é usada na filosofia.

 

Pode parecer, para alguns, ridículo discutir sobre o que é único nas pessoas, por si só. Como em muitas outras áreas de estudo, a parte interessante geralmente vem na aplicação do conceito. Situação semelhante ocorre com muita filosofia e até coisas muito diferentes, como matemática ou computadores. Os conceitos gerais estão, de certa forma, longe do uso prático, mas rapidamente você vê o uso dele, após um estudo mais aprofundado. Assim, é um dado adquirido, se você: tem um bom professor que conhece bem o assunto, é bom em ensinar e tem muita experiência com ensino e esse assunto (e você, como aluno, está honestamente tentando e dando 100% de esforço).

 

Ser abstrato não torna algo impraticável, assim como algo estar moralmente certo não necessariamente impede que seja bonito ou divertido. Ter visões diferentes sobre filosofia nunca torna as opiniões de uma pessoa melhores do que a outra. Há toda uma gama de pontos de vista, mesmo dentro do pensamento de cristãos crentes na Bíblia (pelo menos poderia e deveria haver). A Bíblia é apenas clara e definitiva sobre uma gama estreita de tópicos.

 

Então, como vamos desde a definição de quem são as pessoas até questões práticas, que surgem em nossas jornadas de fé? Basicamente, ao estudar o existencialismo e praticar o cristianismo, aprendemos que quem somos é mais importante do que o que fazemos. Quem somos agora é mais importante do que o que fizemos ou o que faremos. Nosso valor e significado vêm da escolha por parte de Deus de nos dar Sua graça e não com base no que sabemos ou fazemos. Isso é verdade, embora sejamos responsáveis por todas as nossas ações (incluindo aceitar a oferta de salvação de Deus, através da qual temos acesso à vida eterna).

 

Então, quem somos está diretamente ligado a Deus, na medida em que: Ele nos fez, nos deu valor, nos salvou e Ele é o juiz de nós. Nossa resposta deve ser fazer escolhas, que reflitam o que Deus valoriza e sigam o exemplo de Cristo. Isso deve começar com humilhar-nos diante de Deus, arrepender-se de nossos pecados e aceitá-Lo como nosso Senhor e Salvador. Pode levar muito tempo e muito esforço para que Deus e nós cheguemos lá, mas Deus ainda fez a grande maioria do trabalho (e merece todo o crédito).

 

A maneira como nos tornamos alguém diferente acontece pelas escolhas que fazemos. Nascemos de uma maneira e podemos nos tornar algo totalmente diferente, pelas escolhas que fazemos. Ao contrário de um robô, que apenas segue instruções (a menos que e até que Deus lhe dê uma alma), ou um animal (na medida em que operam com instinto puro) são feitos de antemão principalmente por seu desígnio por Deus ou por pessoas (que são as criações diretas de Deus) em sua concepção, uma pessoa cria quem é, pelas decisões que toma.

 

Uma pessoa não toma apenas decisões que afetam sua realidade física, mas essas mesmas decisões também mudam sua realidade espiritual. Os mundos espiritual e físico estão ligados pelo ato de nossas vontades (quando fazemos escolhas). O acúmulo dessas escolhas nos aproxima ou se afasta de Deus. Ao mesmo tempo, essas escolhas determinam muitos outros aspectos de nossas vidas. Alguns exemplos incluem: como progredimos em nossas carreiras, como nossa personalidade cresce ao longo de nossas vidas e até mesmo coisas como como como comemos podem afetar nossa saúde espiritual e mental.

 

Embora nossas decisões determinem quem somos, o que fazemos não. Nós nos definimos fazendo as coisas, com base em nossas decisões e nosso valor vem da escolha de Deus. Por outro lado, nosso sucesso ou fracasso em coisas não significativas espiritualmente, mas importantes material ou socialmente não determina quem somos. Assim, mesmo que o espiritual e o físico não sejam a mesma coisa (e possamos fazer coisas que podem ser apenas física ou espiritualmente significativas), as coisas espirituais e físicas estão intimamente ligadas. Esta é a nossa situação, como humanos e todos os outros seres sencientes.

 

Fazer escolhas morais, imorais ou moralmente neutras que mudam quem somos, ao longo de nossas vidas, é o que nos torna humanos. Isso poderia ser distinto (algumas perspectivas clássicas e dominantes sobre a vida de) animais e inteligência artificial. Isso é Existencialismo, em uma casca de noz.

 

Parte 2: Existencialismo

 

O existencialismo tem sido muitas vezes mal compreendido como relativista e baseado na ética situacional e uma espécie de moralidade de "escolha para si mesmo". Mas a maioria dos primeiros e a maioria dos existencialistas eram e são predominantemente cristãos. O existencialismo é simplesmente sobre o que você define ser humano. Nesse sentido, é universal. Quando você toma uma decisão (do ponto de vista existencialista), você realmente cria a si mesmo. Você se define, pelas ações que faz. Quando você toma essas decisões, você as toma para qualquer um e todos, universalmente.

 

Os existencialistas falam sobre pavor e medo e emoções negativas semelhantes. Eles falam dessa maneira, porque essas emoções são um reflexo da importância das decisões que você toma e da responsabilidade que você tem em tomá-las. Ao mesmo tempo, no Existencialismo, você não tem o direito de tomar essas decisões universais para todos. É por isso que você experimenta essas emoções negativas (ou luta existencial).

 

Em nosso país hoje, estamos enfrentando uma luta existencial e entre questões de filosofia, não religião. (Alguns pensariam que essa luta é entre o cristianismo e o ateísmo ou a razão e a emoção, mas eu diria que é mais sobre alta e baixa cultura.) As maiores questões que nos polarizam, “em toda a linha”, de ambos os lados giram em torno de uma perda de confiança um no outro e em nossas instituições. (Alguns podem argumentar que remonta muito mais longe, alguns ao início do país, alguns ao início dos tempos.) Somos, em um sentido, uma sociedade ideal e, em outro sentido, a um passo do colapso completo.

 

Quem você quer ser? Esta discussão não é fundamentalmente sobre religião, mas sobre como os seres humanos se relacionam e agem. Algumas pessoas tomam decisões, que não são muito racionais e/ou não muito sensatas, mas são muito devotas. Algumas pessoas fazem o oposto. Além da devoção e obediência a Deus, as pessoas tomam decisões muito diferentes com seu tempo e dinheiro e nem sempre são claras de forma bíblica. Não se trata do que é certo e errado - isso é claro Escrituralmente.

 

Trata-se de nos humilhar diante de Deus e assumir a responsabilidade por quando seguimos as Escrituras. Precisamos aceitar a responsabilidade por todas as nossas decisões. Em particular, quando tomamos decisões puramente baseadas na devoção, podemos misturar as coisas racionalmente. Podemos ser, então, muito devotos e corretos em teologia, mas não temos bom senso. Esse tipo de decisão seria certa ou errada? Talvez se torne mais complicado do que muitos parecem pensar, por causa de nossos preconceitos e circunstâncias. Talvez outro fator possível seja se valorizamos coisas como nossa própria vida e nossa própria segurança.

 

Quero distinguir entre o que fazemos que sabemos que estão certas e as decisões que temos que tomar que envolvam outras pessoas ou outros fatores importantes que não sejam ensinamentos bíblicos óbvios. (Esses ensinamentos bíblicos óbvios são os que são essenciais para nossa obediência, salvação e adoração a Deus.) É muito possível ser um cristão devoto e levar tudo muito literalmente (porque você é mentalmente doente). Então você pode pensar que deveria fazer algo que a maioria das pessoas chamaria de “louco”. Isso ainda seria obediência a Deus, mas pode não ser uma interpretação racional ou de bom senso da Escritura.

 

Há mais coisas em nossas mentes do que apenas razão e mais decisões que tomamos na vida que não são óbvias biblicamente. Se tentarmos aplicar esse conceito à fé cristã e à sua comunidade, a realidade é que muitas pessoas não podem concordar com o que é essencial. Como avançamos? O que temos em comum com os incrédulos? Ambos estamos caídos, temos compreensão limitada, fazemos coisas que sabemos que não devemos fazer e precisamos da ajuda de Deus para "nos puxar para cima".

 

Parte 3: Teologia

 

No existencialismo, descobrimos que não podemos ser verdadeiramente objetivos e que não podemos ter uma visão puramente racional da realidade, porque (embora funcione do ponto de vista de Deus, porque Ele tem uma mistura perfeita de razão e emoções), estamos francamente "misturados". Temos preconceitos e admitir isso é admitir que não somos perfeitos. Não temos as respostas certas o tempo todo. Isso faz parte de ser humano, sejamos cristãos ou não. Trata-se de colocar a vontade de Deus em primeiro lugar em nossas vidas e mentes e deixar de lado nossa vontade.

 

Alguns dos valores mais importantes que temos como cristãos se destacam como importantes, independentemente de quão racionais eles sejam ou não. É racional que Deus nos ame tanto que Ele desça a ser humano e depois morra na cruz por nossos pecados? Você está feliz que Ele fez isso? Isso faz sentido, do nosso ponto de vista, porque nos beneficia e estamos acostumados com a ideia, mas como foi para Deus?

 

Não havia nenhuma razão em Escritura anterior, ou Sua natureza que exigisse isso. Foi uma surpresa completa, para aqueles que seguiram fielmente a Deus, por causa de muitos fatores. Nós merecemos de forma alguma. Deus prometeu, mas era tão vago que ninguém sabia até depois que isso aconteceu. Não era necessário para Deus ou melhorava as coisas para Ele, de forma alguma. Nós nem estamos realmente gratos hoje (pelo menos nesta nação, na maior parte). Isso é inteiramente um mistério e é a base da nossa fé.

 

No existencialismo, quando uma pessoa toma uma decisão, ambas devem perceber que estão fazendo uma reivindicação universal à sua moralidade, bem como saber que estão tomando uma decisão com graves conseqüências. Isso deve fazer com que eles sintam um enorme senso de responsabilidade. Isso é verdade para aqueles que professam seguir a Bíblia, bem como para aqueles que não o fazem.

 

Isso nos leva de volta à situação em que nos encontramos, como cristãos, onde alguns de nós podem concordar entre si quais são os princípios básicos da fé. Também podemos concordar com o que podemos saber das Escrituras com certeza. Ao mesmo tempo, enquanto muitos tão fiéis e racionais, os cristãos pensantes têm ideias contraditórias. O que se resume a uma questão de história, política e filosofia. Mais importante, é uma questão de como vemos o mundo e depois tomamos decisões, com base em vários fatores primários.

 

Como determinamos como vivemos? Podemos basear nossas decisões em uma gama quase ilimitada de fatores. Essas decisões sempre serão fortemente influenciadas, por quem somos geográfica e socialmente e como crescemos e fomos educados. Não é totalmente claro ou universal quais fatores são mais importantes. É assim que a vida humana começa a ficar muito confusa e confrontativa.

 

Então, quais são esses fatores? Vejo alguns dos principais fatores como: bom senso, pragmática, lealdade à família e à nação, fervor religioso, maturidade espiritual e compreensão do mundo e suposições culturais. Assim, podemos tomar decisões que são parcialmente práticas e leais à família, mas que não estão inteiramente de acordo com o senso comum ou uma compreensão espiritual do mundo. Cabe a cada um de nós assumir a responsabilidade, pelas consequências, óbvias e não pelas decisões que tomamos.

 

Não podemos dizer: eu fiz isso, porque aprendi isso nas Escrituras e fui absolvido de responsabilidade. Sempre há outros fatores e influências em nossas vidas e é por isso que nunca podemos ser verdadeiramente objetivos. Somos de natureza pecaminosa e caímos moralmente no nascimento. Uma das coisas que aprendemos, com o tempo (à medida que envelhecemos e esperamos que mais sábios), é que precisamos continuar a lutar contra nosso orgulho e nosso desejo de estar certo e fazer com que as pessoas nos sigam. Devemos ser seguidores de Cristo, não líderes de pessoas.

 

Sem nos examinar tanto como sociedade quanto como indivíduos, talvez nunca percebamos que não estamos certos, mas Deus está. Como cristãos, adoramos uma divindade que é Mente, Corpo e Espírito como nós. O cristianismo é baseado na vida de Cristo como a demonstração perfeita final de como devemos viver e tomar decisões na vida. Submeter sua vontade a Deus é perceber que você pode estar errado sobre tudo e qualquer coisa nas Escrituras (isso não é óbvio).

 

O objetivo da religião não é ter uma compreensão perfeita da teologia, mas viver uma vida focada em nosso Salvador. O que é óbvio é baseado em nossas decisões sobre como vemos a vida e a cultura em que vivemos. Esses fatores são compostos principalmente de nossas suposições sobre a vida, incluindo Deus, e coisas que não examinamos racionalmente. Ninguém é uma ilha e você não pode entender ou mudar quem você é, sem levar em consideração onde você está na vida e com quem você está na vida.

 

Durante a grande maioria do tempo e na maioria das principais religiões do mundo, as pessoas entendiam o que era certo e o que era errado. É somente neste mundo moderno que ficamos confusos. Não estamos dispostos a aceitar, como americanos, que somos tão doutrinados e tão influenciados por nossa cultura quanto qualquer outro grupo de pessoas em todo o mundo quanto em qualquer outro momento da história. Não fazemos o que é certo, porque escolhemos não fazê-lo, não porque não temos o conhecimento ou a capacidade.

 

Para submeter nossa vontade à de Deus, temos que reconhecer que estas não são as mesmas. Como cristãos, quando seguimos a Deus, precisamos nos certificar de que não substituímos mais nada no lugar das Escrituras (mesmo que sejamos crentes, mesmo que sejamos especialistas na Bíblia). Podemos tomar quaisquer decisões que quisermos e muitos até serão biblicamente morais, mas, ao mesmo tempo, você tem que admitir que é você que está tomando a decisão, não Deus.

A habitação do Espírito Santo nunca assume o controle de você, de modo que, mesmo como cristãos de bom significado, podemos e cometeremos erros interpretando as Escrituras.

 

A interpretação da Escritura não deve ser a base da nossa fé. Devemos ter fé na pessoa e divindade de Cristo, como um indivíduo, não como uma doutrina. A doutrina tem seu lugar, que é evitar algumas de nossas ideias malucas (todos nós as temos), mas não deve acontecer de colocarmos nossa esperança no Deus cristão. O que é único no cristianismo não é sua moralidade, mas sim quem é o Deus cristão.

 

Devemos adorar e seguir a Deus, pelo menos por várias razões primárias. Ele criou o mundo apenas por Seu próprio poder. Ele é perfeitamente bom moralmente e todo poderoso. Ele quer estar envolvido em nosso mundo e em nossas vidas. Esta é a base da nossa fé. Mais tarde, Jesus Cristo toma nosso lugar no sofrimento (para que possamos escapar do submundo). Então Deus promete nos encher com o Seu Espírito. esses dois últimos são apenas "gelo no bolo" e devem tornar o seguimento de Deus não apenas óbvio, mas alegre.

 

Ao longo da maior parte da história, as pessoas acreditavam em Deus, sem o privilégio de ter um relato escrito. A Bíblia é inteiramente verdadeira e o pensamento exato de Deus, mas mesmo esta é apenas a maneira mais simplificada de nos dizer coisas, para que possamos entendê-las como seres humanos. Há muito mais em Deus do que a Bíblia. Aprendemos ao longo da história que havia mais em Deus do que Ele revelou no início, e tão provavelmente há muito mais em Deus do que na Bíblia (obviamente sem que a Bíblia seja menos verdadeira ou tenha contradições, assim como o Novo Testamento é construído sobre o Antigo Testamento).

 

Finalmente, o que é óbvio para nós nas Escrituras versus o que é óbvio para os outros nas Escrituras envolve fatores que se estendem muito além da religião. Eles fazem parte de uma área de pensamento desalinhada e mal compreendida chamada filosofia (especificamente epistemologia). Assim como ciência e matemática são muito relacionadas, mas não a mesma coisa, a religião e (outras áreas da filosofia) podem trabalhar juntas para reforçar uma à outra e à nossa fé. Assim como só descobrimos recentemente que emoções e razão não são a mesma coisa, mas ambas são muito importantes (mesmo para uma simples sobrevivência), então precisamos perceber que há mais na religião do que apenas as palavras que lemos.

 

Parte 4: Teoria do Conhecimento

 

Se você pode debater cada lado igualmente bem, como determinar o que é verdade? Tudo é baseado em suas suposições e definições. Se você concorda com as suposições de outra pessoa na vida, provavelmente concordará com elas em muitas outras coisas. A suposição de Descartes é "acho que sou", colocando o homem no centro do universo e separando Deus da filosofia. Agora assumimos que tudo tem que ser racional, lógico, senso comum e razoável. A Bíblia não lida diretamente com essa questão e, portanto, não a tenho como uma parte absoluta ou necessária da fé cristã.

 

Além disso, multiculturalmente, historicamente e biblicamente outros fatores como fé, tradição, história, escritura, revelação divina, ritual, profecia, milagres e muitas outras fontes de conhecimento falam com a verdade tanto quanto a razão. A Bíblia não precisa ser provada racionalmente e Deus é melhor compreendido pela fé, não pela razão. Assim como as pessoas não podem entender Deus apenas através de milagres, assim Ele não pode ser entendido principalmente através da razão.

 

A morte e ressurreição de Cristo não é um ato da parte de Deus que pode ser explicado pela razão. Esta é a base da nossa fé: escolher seguir a Deus e obedecer a Ele confessando nossos pecados e aceitando-O como nosso Salvador. Não importa qual teologia entendamos ou quão fiéis sejamos, Deus escolhe nos salvar por Sua graça e nossa escolha é aceitar ou não Sua oferta.

Teoria da Arte / Poesia

Definir Espiritual

 

O que resta quando você fecha os olhos

O que é em você que realmente importa

Quem você realmente é é o seu espírito

As identidades externas são principalmente espirituais

O espírito é onde as decisões e a dor se encontram

O espírito está em todas as escolhas que fazemos

Somos seres espirituais

Somos criados por Deus

O sopro de Deus cria espírito

O Espírito Santo é o Espírito de Deus

Seu espírito é o que você pensa, sente e acredita

Do seu espírito você sabe o que é bom e mal

Seu espírito é o único no controle

Se o espírito de Deus está dentro de você

Ele reside em você coração, mente e alma

Mente é o que você pensa, coração é como você se sente, e alma é o que você acredita

Espírito é como sabemos quem é Deus

O Espírito é o reconhecimento de quem somos e quem Deus é

Espírito é senciência ou autoconsciência

Espírito é o que dá sentido e propósito à vida

O Espírito é a sua vontade e é definido pelas suas escolhas

Você cria quem é pelas escolhas que faz

 

Sonhos Reais

 

Buscamos um banquete e música

Para uma celebração de boas notícias

Mas melhor é aquele

Quem comemora fornecendo sua recompensa para os outros

Viajamos pelo mundo para entender a vida

Mas maior é aquele que se entende

Em vez de encontrar uma aventura em tragédia e perigo

Encontre alegria em experiências de vida comuns

É humano e sábio temer o sofrimento e a perseguição

Também é humano, mas não tão sábio, temer viver uma vida chata

Há uma sensação de falta quando somos realmente jovens

À medida que envelhecemos, nossa confiança também envelhece

Primeiro buscamos nossas ambições

Que definimos como maior, melhor e mais rápido

Mais tarde, procuramos apenas ficar satisfeitos com o que já temos

Coletamos coisas em nossa juventude

E compre-os para a família à medida que envelhecemos

Nós damos coisas a estranhos à medida que envelhecemos ainda mais

Quando estamos perto do fim desta vida, escrevemos nossos testamentos

É visto como uma medida do nosso legado o que conquistamos e realizamos

Quando eu morro, eu pouco me importo com o que as pessoas pensam

E não vejo necessidade de que os outros se lembrem de mim

Lutamos continuamente para alcançar e influenciar os outros no início de nossas vidas

Mais tarde, entendemos o quão fracos e ineficazes somos

Estamos então satisfeitos com até mesmo pequenas vitórias

Achamos que é nossa responsabilidade salvar o mundo em nossa juventude

À medida que envelhecemos, aceitamos que só podemos fazer o nosso melhor

Somos criados pensando que podemos fazer qualquer coisa

Quando saímos sozinhos, aprendemos como é difícil sobreviver

Quando envelhecemos ainda mais, ficamos satisfeitos quando podemos fazer coisas simples como ainda caminhar

 

Beleza Espiritual

 

Vemos a beleza como exemplificada pela pele humana

Vemos a beleza como evidenciada por uma mente brilhante

Por que não vemos o tipo de beleza admirada pelo Criador desses órgãos

Quando vemos a beleza na natureza, esta é a deixa que devemos seguir para honrar a arte do Criador

Mas o que é realmente bonito é espiritual

O mundo espiritual é o mundo maior e mais importante em que todos vivemos

E o nosso físico é um pequeno subconjunto menos significativo

Beleza espiritual é sobre beleza em ações e beleza em atitude

Beleza espiritual é sobre quem somos no presente momento eterno

Cristo é o melhor exemplo de beleza espiritual

A beleza espiritual é alcançável e real mesmo no meio de tanto mal e sofrimento

Assim como uma fogueira é mais fácil de encontrar em uma noite clara sem as luzes da cidade

Seguir nossa consciência nos faz brilhar o suficiente para que outros possam seguir em frente

Se você realmente quer começar uma revolução que realmente consertará o mundo hoje

Mude a única coisa que você pode - seu próprio corpo, mente e espírito

Cristo valoriza o espiritual porque é a única coisa que dura para sempre

E são essas coisas que são apenas físicas são as coisas que nos trazem sofrimento

 

Criação de Coisas Vivas

 

A vida é a maior arte

É a criação direta de Deus

É Sua criação mais complexa

Mas só pode ser feito por Deus diretamente

A vida pode então criar coisas alheias

Os seres vivos podem criar seu próprio futuro pelo ato de suas vontades

A vida eterna é ainda maior

O céu é a obra de arte definitiva

Comparado a tudo no Céu, ouro e jóias preciosas não valem nada

O céu é como um jardim perfeito cuidado por Deus

Viver no Céu é o oposto de sofrer

O céu é sobre reconciliação completa com a família de Deus e Sua Igreja

O céu é completamente espiritual em sua essência

No Céu, nada morre ou mesmo se deteriora

Ser um ser vivo criado é como ser plantado como semente no chão

Então você se torna uma linda flor após a morte

Assim como o ritual da água do batismo, onde morremos para o mal e o sofrimento e nossa própria vontade

Então nascemos de volta na família de Deus à medida que somos ressuscitados da água

Ser espiritual tem tudo a ver com escolha

A essência do espírito é a vontade

A vontade é o que torna uma criação viva senciente e autoconsciente

É a parte que torna a vida mais do que uma máquina muito avançada e permite que ela faça escolhas independentes

É a vontade que se torna espiritualmente feia quando nos voltamos contra Deus

E a perda de sua independência completa é o custo da vida eterna

A verdadeira beleza da criação é que sempre fomos projetados para viver simbioticamente com o Criador dentro de nós

Ele veio a este mundo que Ele criou para nos trazer de volta a Ele para que não pudéssemos mais sofrer

No processo, Ele viveu uma vida espiritualmente bonita

Transcendendo nossa compreensão do que é importante na vida

Mostrando-nos como resistir ao mal e evitar sofrimento desnecessário

Ensinando-nos do que se trata viver espiritualmente e em constante conexão com Deus

Mais importante, Ele derrotou o mal e o sofrimento fazendo o completamente inesperado

Ele morreu fisicamente com muita dor no lugar de nós

Ele então derrotou a morte e ressuscitou e subiu de volta para criar o Céu para todos nós

Sua vida é a ilustração ou ensinamento perfeito de como viver uma vida espiritualmente bonita

Amor espontâneo

 

O amor é uma das emoções mais bonitas

Mas há mais para amar do que apenas romance

O amor é a maior das virtudes

A Bíblia fala sobre amor incondicional

Uma das coisas realmente únicas e bonitas sobre o cristianismo é o perdão

Isso faz do cristianismo um divisor de águas

Ambos extremamente simples de explicar e muito difíceis de praticar

O cristianismo baseia a ética no perdão porque Deus odeia a arrogância

Se você fosse Deus, alguma coisa o impressionaria pelo que você vê as pessoas fazerem

Por sua própria natureza, matematicamente qualquer coisa comparada ao infinito é zero

Há uma longa lista de atributos que você pode encontrar na Bíblia que exemplificam o amor

Mas o amor é simplesmente definido na Bíblia como a motivação para Cristo descer à terra e depois até mesmo ao inferno

Muitas pessoas pensam que é fraco ser gentil e generoso

Mas se Deus não interviesse, existiríamos para sempre apenas na escuridão e no desespero

Logo a terra pode ser muito parecida com o inferno, pois é comparada à queima de lixo

Queimar lixo é realmente feio e doentio

Deus realmente acredita em liberdade e igualdade a todo custo

Isso transcende qualquer tentativa da América de falar de lixo com outras nações sobre sua superioridade

O soldado americano é uma espécie de figura semelhante a Cristo

A analogia se mantém porque o Exército quer você fraco, não heroico

Assim como no cristianismo, tem uma filosofia ética única

O Exército valoriza duas coisas: obediência instantânea sem questionar e 150% de esforço

A vida no Exército nunca é fácil e nunca desabafa

Você é casado com o Exército, pois nunca está realmente de folga

O exemplo de Cristo confunde os não-cristãos porque Cristo é o anti-herói supremo

É um sistema de crenças e movimento revolucionário que incentiva você a se submeter a todos

É como lançar uma guerra entregando-se incondicionalmente ao seu inimigo antes da primeira batalha

Funciona assim porque seu inimigo é você

Os cristãos muitas vezes dão muito crédito ao diabo

O pecado vem de nossa rebelião contra a vontade de Deus e governa em nossas vidas

Assim como o Exército é difícil para todos, só não intelectualmente

O cristianismo é difícil porque exige que sacrifiquemos nosso orgulho

Se o cristianismo tivesse uma bandeira, seria branco sinalizando rendição

Se o cristianismo tivesse um símbolo, seria uma folha de papel em branco

A vida é sofrimento, mas Deus quebrou seu poder sobre nós e criou uma vida perfeita para nós para sempre

 

Arte da Igreja

 

Como uma fantasia gótica viva diretamente do período medieval da história

A agonia colocada na pedra das muralhas da catedral

O sangue de Jesus Cristo queima através das correntes da dor e da morte

Como os pés de um prisioneiro sendo lentamente assados sobre brasas quentes

Embora Ele nunca tenha feito nada de errado, Cristo suportou uma morte brutal

Ele até entrou no submundo e roubou as chaves do Hades

O maior anti-herói então subiu ao Céu para retomar Seu trono

Depois que Deus se levantou do cemitério

De Deus Todo-Poderoso a não-cidadão escravizado de volta a Deus em Sua plena glória

Ele voltou em triunfo ao Seu trono para terminar de construir o Céu para nós

Enquanto começamos a construir Sua igreja na terra e ajudá-la a tomar seu lugar na história

Ele é a base para qualquer beleza ou alegria que ainda encontramos nesta vida

Ao contrário das pragas do mundo antigo que foram iniciadas para nossa punição

Agora estamos criando nosso próprio fogo de lixo infernal que flui diretamente de nossa ganância e arrogância

A rebelião contra Deus e nossa responsabilidade de pastorear Sua criação é feia e triste

Ele então rompe a pedra de nossas prisões feitas por nós mesmos

Brilhando através das cores brilhantes capturando Sua vida e ministério entre nós

Seus milagres e fé fizeram mais do que apenas alimentar os famintos e curar os doentes

Ele liderou um movimento espiritual que sobreviveu às revoluções agrícola, industrial e de informação

Cada vez mais forte e mais numeroso a cada geração através de 3 grandes revoluções tecnológicas

Meu país agora vive em pobreza espiritual, pois o mundo ama a Cristo mais do que nunca

Mas esta geração não ouve seus pais que não tinham nada a dizer sobre Cristo

Nosso país agora está aceitando o sobrenatural na forma de mitos nacionais e para expressão artística

Estamos chegando ao fim do mundo como o conhecemos, mas não é realmente o fim do mundo inteiramente

Enquanto vemos todas as principais instituições transformadas ou tornada irrelevantes, a religião é mais importante do que nunca

A obra de Deus no mundo durou milhares de anos e elevamos nossos óculos para mais dez mil

 

Cruzes de Natureza Morta

 

Uma cruz pesada com uma menor de cada lado

Uma cruz de ferro enferrujado com um prego gigante representando Cristo

Uma cruz com um antigo desenho ornamental em madeira lisa

Uma cruz de madeira densa e fortemente desgastada coberta com um manto real

Uma cruz preta lisa com letras douradas

Sete cruzes no total fazendo um conjunto eclético completo

Um olhar de respeito e tristeza

Um olhar intencional de curiosidade

Esses são os tipos de brinquedos com os quais você não brinca

Os outros brinquedos são silenciosos, mas felizes

Para eles, este é um tipo de lugar sagrado

Como é a adoração para um brinquedo de pelúcia

À maior Ovelha Bebê que já viveu e ainda vive

A cruz às vezes é assustadora e extrema quando as luzes estão apagadas

Mas, em suma, uma sensação melhor para a prateleira e toda a sala

Todos os animais conhecem e respeitam o Criador pelo nome e pela voz

Nunca é necessário explicar Deus às Suas melhores criações

E todas as outras coisas que exibem ter um espírito

Se atende ou não aos requisitos científicos para estar vivo

Rezando para que ele sempre seja limpo com cuidado e continuamente

O símbolo supremo de força e masculinidade

 

Citações Bíblicas

Beleza é igual a ética

 

Cujo adorno não seja aquele adorno externo de trançar o cabelo, e de vestir ouro, ou de vestir-se de vestuário; mas seja o homem oculto do coração, naquilo que não é corruptível, mesmo o ornamento de um espírito manso e quieto, que está diante de Deus de grande valor. — Pedro 3:3-4

 

Quão belos sobre os montes são os pés daquele que traz boas novas, que anuncia a paz; que traz boas novas de boas novas, que anuncia a salvação; que diz a Sião: Teu Deus reina! — Isaías 52:7

 

Porque ele crescerá diante dele como uma planta tenra, e como uma raiz de uma terra seca: ele não tem forma nem beleza; e quando o virmos, não há beleza para que o desejemos. — Isaías 53:2

 

para designar aos que choram em Sião, para lhes dar beleza pela cinza, o óleo da alegria pelo luto, a roupa do louvor pelo espírito de peso; para que fossem chamados de árvores da justiça, o plantio do Senhor, para que ele fosse glorificado. — Isaías 61:3

 

Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque sois semelhantes aos sepulcros branqueados, que na verdade parecem bonitos para fora, mas estão cheios de ossos de mortos e de toda impureza. -Mateus 23:27

 

A Misericórdia de Deus Dura Para Sempre

 

Tem misericórdia de mim, ó Deus, segundo a tua benignidade; segundo a multidão das tuas ternas misericórdias, apaga as minhas transgressões. Salmo 51:1

 

Bendito seja Deus, que não desviou de mim a minha oração, nem a sua misericórdia. -Salmo 66:20

 

Porque tu, Senhor, és bom e pronto para perdoar, e abundante em misericórdia para com todos os que te invocam. Salmo 86:5

 

Porque grande é a tua misericórdia para comigo, e livraste a minha alma do mais baixo inferno. --Salmo 86:13

 

Não a nós, Senhor, não a nós, mas ao teu nome dá glória, por causa da tua misericórdia e por causa da tua verdade. Salmo 115:1

 

Trata com o teu servo segundo a tua misericórdia, e ensina-me os teus estatutos. Salmo 119:64

 

O Senhor se agrada daqueles que o temem, daqueles que esperam na sua misericórdia. --Salmo 119:124

 

Não te desamem misericórdia e verdade; amarra-as ao teu pescoço; escreve-as na mesa do teu coração: -Provérbios 3:3

 

Pela misericórdia e pela verdade a iniqüidade é purificada; e pelo temor do Senhor os homens se afastam do mal. -Provérbios 16:6

 

Aquele que cobre os seus pecados não prosperará; mas aquele que os confessar e abandoná terá misericórdia. -Provérbios 28:13

 

Em um pouco de ira, escondi de ti o meu rosto por um momento; mas com benignidade eterna terei misericórdia de ti, diz o Senhor, teu Redentor. — Isaías 54:8

 

Porque os montes se afastarão, e os outeiros serão removidos; mas a minha bondade não se desviará de ti, nem o pacto da minha paz será removido, diz o Senhor que se compadece de ti. — Isaías 54:10

 

Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem injusto os seus pensamentos; e volte para o Senhor, e ele terá misericórdia dele; e do nosso Deus, pois ele perdoará abundantemente. — Isaías 55:7

 

E semeei-la-ei para mim na terra, e terei misericórdia daquela que não obteve misericórdia; e direi aos que não eram meu povo: Tu és o meu povo; e eles dirão: Tu és o meu Deus. Oséias 2:23

 

Portanto, volta-te para o teu Deus: guarda a misericórdia e o juízo e espera no teu Deus continuamente. --Oséias 12:6

 

Quem é um Deus como você, que perdoa a iniqüidade e passa pela transgressão do restante da sua herança? ele não retém a sua ira para sempre, porque se deleita na misericórdia. —Miquéias 7:18

 

Mas ide e aprendei o que isso significa, terei misericórdia, e não sacrificarei; pois não vim chamar os justos, mas os pecadores ao arrependimento. —Mateus 9:13

 

Não pelas obras de justiça que fizemos, mas segundo a sua misericórdia, ele nos salvou, pela lavagem da regeneração e renovação do Espírito Santo; -Tito 3:5

 

Venhamos, pois, ousadamente ao trono da graça, para que possamos obter misericórdia e encontrar graça para ajudar no momento da necessidade. - Hebreus 4:6

 

Mas a sabedoria que vem do alto é primeiro pura, depois pacífica, mansa e fácil de ser tratada, cheia de misericórdia e bons frutos, sem parcialidade e sem hipocrisia. —Tiago 3:17

 

Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que segundo a sua abundante misericórdia nos gerou novamente para uma viva esperança pela ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, -1 Pedro 1:3

 

Graça seja convoscó, misericórdia e paz, da parte de Deus Pai e do Senhor Jesus Cristo, Filho do Pai, em verdade e amor. --2 João 1:3

Nossa Resposta: O Oposto do Egoísmo

 

Sejam bondosos uns com os outros com amor fraternal; em honra de preferir uns aos outros; -Romanos 12:10

 

Nós, então, que somos fortes, devemos suportar as fraquezas dos fracos, e não agradar a nós mesmos. Agrade cada um de nós ao seu próximo para o seu bem à edificação. Porque nem mesmo Cristo se agradou, mas, como está escrito, caíram sobre mim os opróbrios daqueles que te afrontaram. -Romanos 15:1-3

 

Porque, embora eu esteja livre de todos os homens, ainda me tornei servo de todos, para ganhar ainda mais. E tornei-me como judeu para os judeus, para ganhar os judeus; para os que estão debaixo da lei, como debaixo da lei, para ganhar os que estão debaixo da lei; para os que estão sem lei, como sem lei (não estando sem lei para Deus, mas debaixo da lei para Cristo), para que eu pudesse ganhar os que estão sem lei. Tornei-me como fraco para os fracos, para ganhar os fracos; todas as coisas me fizeram para todos os homens, para salvar alguns por todos os meios. E isso eu faço por causa do evangelho, para participar dele com você. - 1 Coríntios 9:19-23

 

Ninguém busque a sua, mas a riqueza de cada um alheia. - 1 Coríntios 10:24

 

Assim como eu agrado a todos os homens em todas as coisas, não buscando o meu próprio lucro, mas o proveito de muitos, para que possam ser salvos. - 1 Coríntios 10:33

 

A caridade sofre muito tempo, e é bondosa; a caridade não inveja; a caridade não se vangloria, não se incha, --1 Coríntios 13:4

 

Não se comporta impróprio, não busca os seus, não é facilmente provocada, não pensa mal; --1 Coríntios 13:5